Menu

Pesquisas

FEBAB

Arquivo do blog

Inforbiblio Copyright © 2009 - Toos os Direitos Reservados. Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.

Home Ads

Tags

Advertisement

Popular Posts

Instagram

23 janeiro 2020

Calendário Biblioteconômico - Agosto 2020


Nossos homenageados de Agosto são, Paul Otlet e Ranganathan. Pela importância desses profissionais, fazer um testículo para o resumo do Calendário Biblioteconômico é quase um desrespeito, contudo o simples fato de ser uma homenagem, exprime nosso verdadeiro sentimento.

Paul Otlet & Ranganathan 

Paul Marie Ghislain Otlet 23/08/1868 – Bélgica). Foi advogado, autor, empresário, visionário e ativista da paz. Patrono da ciência da informação, Otlet criou a Classificação Decimal Universal e vislumbrava um tipo de internet tal qual conhecemos hoje e juntamente com La Fontaine, deixou seu legado através do Mundaneum. Shiyali Ramamrita Ranganathan (09/08/1892 – Índia). Foi um matemático e bibliotecário, lutava pela melhoria de condições de trabalho. Preocupava-se com o ensino e a pesquisa em seu país. Em 1924, foi bibliotecário na Universidade de Madra. Foi professor de Biblioteconomia (40 anos + ou -). Dentre outras benfeitorias, no ano de 1928, idealizou as cinco leis da Biblioteconomia.

O evento do mês é o IFLA WLIC 2020 Congress. Data: 15 a 21/08/2020. Local: The Dublin Convention Centre,  Dublin, Irlanda. E como sempre, tem muitos aniversários para comemorar e vários fatos e acontecimentos importantes, como também triviais.Vejamos alguns exemplos:

No primeiro dia de agosto ´comemora-se o "Dia Nacional do Selo" que homenageia a emissão do 1º selo postal pelos Correios brasileiros, em 1º de agosto de 1843. Depois de ser criado na Inglaterra, o Brasil foi o segundo país do mundo a aprovar o uso de selos postais.

A Lei nº 13.108/2015, institui o Dia Nacional do Elos Internacional da Comunidade Lusíada, a ser celebrado no 8 de agosto. O "Elos Clube de Santos", nasceu em São Paulo e se tornou internacional, a partir do nascimento de Helos em outros países, para difundir e defender a Língua Portuguesa e promover a integração das nações que falam o idioma.  

Como não havia mais espaço para as notas de rodapé, colocamos uma nota extra no final do calendário, para explicar a origem do "Dia Nacional da Visibilidade Lésbica"...

NOTA: O Dia Nacional da Visibilidade Lésbica foi criada em 1996, durante a realização do 1º Seminário Nacional de Lésbicas (SENALE), organizado pelo Coletivo de Lésbicas do Rio de Janeiro (COLERJ).


Nenhum comentário:
Write comentários

Sejam Bem-Vindos!!!

Comentem a vontade, podem deixar sugestões.

Receba Conteúdo Atualizado