Menu

Pesquisas

FEBAB

Arquivo do blog

Inforbiblio Copyright © 2009 - Toos os Direitos Reservados. Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.

Home Ads

Tags

Advertisement

Popular Posts

Instagram

31 janeiro 2020

Calendário Biblioteconômico - Dezembro 2020


A saga "Calendário Biblioteconômico" chega ao fim e para fechar com chave de ouro, o mês de dezembro traz uma coletânea de cartas que o escritor J R. R. Tolkien, escreveu para seus filhos em nome de Papai Noel, para lembrar nossos seguidores, que dezembro é um ótimo mês para incentivar a leitura e dar livros de presente no Natal, como também época de fazer doações e desapegar e passar os livros adiante. Vou confessar que nesse mês, eu puxei a sardinha para o meu lado e trouxe o aniversário da minha cidade, Maceió e também do Arquivo Público deste Estado, Alagoas. Outro destaque de dezembro é o Dia do Museólogo. Espero que todos façam um bom proveito do calendário. Até o próximo projeto!

 Cartas do Papai Noel

Os filhos de J R. R. Tolkien, recebiam sempre em dezembro, misteriosos envelopes com um selo do Polo Norte. As cartas pareciam ter sido escritas pelo próprio Papai Noel, com sua letra trêmula e um desenho colorido. O autor de O Senhor dos Anéis manteve essa surpresa para os filhos entre os anos de 1920 a 1943.  

Título: Cartas do Papai Noel
Autor: J.R.R. Tolkien
Número de páginas: 168
Ano de edição: 2012
Editora: WMF Martins Fontes
Tradutor: Ronald Eduard Kyrmse

É importante destacar o quão cuidadoso foi o autor. Através da voz do Papai Noel, seus filhos são encorajados a partilhar seus presentes (“Espero que compartilhem sempre as peças da estrada de ferro, da fazenda e os animais, e não pensem que cada coisa é só para o dono da meia em que foi colocada.” – p. 40),  a pensar nas famílias em necessidade (“… se acharam que não chegaram muitas das coisas que pediram, e talvez nem na mesma quantidade em que chegavam outras vezes, lembrem-se de que neste Natal há em todo o mundo um número imenso de pessoas pobres e famintas.” p. 62), além de deixar implícitas as dificuldades resultantes da 2ª Guerra Mundial (“Essa guerra horrível está reduzindo todos os nossos estoques, e há muitos países em que as crianças estão morando longe das suas casas.”  p.140). (DANI FÁVERO, 2013).

Aniversários:

Maceió//AL, foi fundada em 05/12/1815. Além das belas praias, sua cultura é bastante expressiva e marcante pela riqueza do folclore: Caboclinho, Cavalhada, Chegança, Bumba Meu Boi, Coco Alagoano, Festa de Reis, Guerreiro, Pastoril, Reisado, Quilombo e Zabumba. Museus, a arquitetura barroca, palácios, belas igrejas e casas com sobrados seculares também fazem parte do patrimônio de Maceió (MinT, 2018).


O Arquivo Público de Alagoas (APA) é uma das entidades parceiras da Rede Nacional de Cooperação e Informações Arquivísticas, que objetiva construir o Portal Memórias Reveladas, cujo gestor, o Arquivo Nacional, visa possibilitar a divulgação e o acesso on-line às informações relativas às lutas políticas e sociais durante o regime militar no Brasil.

Dia do Museólogo

O Dia do Museólogo, 18 de dezembro, foi instituído por decreto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 2004, reforçando a importância do setor para o Brasil, que se fortaleceu ainda mais em 2009, a partir da criação do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC).A atividade de Museólogo é regulamentada por lei desde dezembro de 1984, e que tem seus direitos garantidos através dos Conselhos Regionais (COREMs) e do Conselho Federal de Museologia (COFEM). 

 Link para baixar o mês de dezembro: https://www.4shared.com/s/ft6PW7PRuiq

Link para baixar a pasta com o ano de 2020 completo: 
https://www.4shared.com/folder/hsTW2urF/Calendrio_2020.html

Nenhum comentário:
Write comentários

Sejam Bem-Vindos!!!

Comentem a vontade, podem deixar sugestões.

Receba Conteúdo Atualizado