Menu

Pesquisas

FEBAB

Arquivo do blog

Inforbiblio Copyright © 2009 - Toos os Direitos Reservados. Imagens de tema por MichaelJay. Tecnologia do Blogger.

Destaque

Mestre em Ciência da Informação - PCD

O bibliotecário Igor Peixoto Torres Girão, tornar-se o primeiro mestre em Ciência da Informação com múltiplas deficiências do Norte e Nor...

Visitantes

Arquivo do blog

Siga por e-mail

Postagens mais visitadas

Gestora do Inforbiblio

VeeThemes

Rose Marques

Bibliotecária formada pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL). Atualmente trabalha com Gestão de Arquivos. Entusiasta das redes sociais e TI. Blogueira desde 2008 e apaixonada por design de interiores, adora jogar The Sims 4. Fã de cinema e séries. Curte MPB dos anos 80 e música romântica. Também ama ler e sonha em criar um lugar que seja um misto de biblioteca com livraria, ou algo do tipo..

Instagram

Facebook

22 abril 2019

Feira de Troca de Livros


  • Uma forma muito interessante de incentivo à leitura é promover uma feira de troca de livros, seja partindo de uma instituição ou por parte de pessoas físicas. Se você já conta com um acervo, muito bem! Se não, não é obrigatório que se tenha um acervo para iniciar o projeto. Considerando a hipótese da não existência de um acervo, mesmo que seja pequeno, a solução é pedir doações
  • Primeiro Passo: Sua feira precisa de um nome criativo e que esteja de acordo com a sua proposta. Por exemplo: Já fui assistente de mídias de uma Cooperativa de Trabalho e tive a ideia de criar e organizar sua primeira feira de troca de livros e a denominou de COOPERA & TROCA. Bem sugestivo, não é? Então, se sua feira é de troca de livros infantis, o nome tem que remeter ao universo das crianças e assim por diante..
  • Segundo Passo: Veja em quais possíveis locais seria viável pedir doações. De preferência áreas onde o poder aquisitivo das pessoas seja de médio a grande. 
  • Terceiro Passo: Fazer um ponto de coleta de livros. 1- Você precisará pedir autorização aos responsáveis pelo local (se não for ao ar livre) para realizar a coleta. 2- Você vai precisar de uma caixa média ou grande para acomodar os livros coletados (de preferência personalizada, assim você já chama a atenção pela curiosidade das pessoas). 3- Vai precisar também de uma placa criativa com o nome da feira, fazendo um chamamento para as doações. 
  • Quarto Passo: Escolha o local para realizar a feira onde o poder aquisitivo das pessoas seja menor. Assim você dará chance as pessoas que não pode comprar livros com frequência. Faça em local aberto só quando não estiver em período de chuvas.
  • Quinto Passo: Material necessário para a feira - Uma mesa grande ou duas pequenas, bancadas, balcões ou algo que seja possível apoiar os livros; duas cadeiras e no mínimo duas pessoas, uma para receber os títulos e outra para entregar os livros. Confeccionar vale-livros (opcional) com espaço para colocar a quantidade de títulos que a pessoa está trocando, para organizar melhor e para que não haja tumulto.  
  • Sexto e último passo: Publique nas redes sociais sobre a realização da feira de troca de livros. Garanto que não vai faltar público.
Partindo do pressuposto que você já tem um acervo ou não queira realizar os passos acima, você pode criar um evento direto nas redes sociais, avisando da feira. Você pode, por exemplo, usar o evento do Facebook. O evento precisa ter um local com endereço completo para o recebimento das doações; data e hora da realização do mesmo; não esqueça de marca que o evento é gratuito. Depois espalhe em todos os canais que desejar: blog, twitter, instagram e outros onde você possua uma conta. 

Você já realizou uma feira de troca de livros e tem dicas preciosas para dar? Por favor, deixe seu comentário para a troca de experiência. Desde já agradeço a participação de todos.

12 abril 2019

ARQUIVISTA - Cód. 010 Vagas: 01 - Remuneração: 5.264,19 40h/semanal

A Câmara de Vereadores de Piracicaba torna público a abertura de Concurso Público sob organização e aplicação da Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – Fundação VUNESP.

ARQUIVISTA - Cód. 010 Vagas: 01 - Remuneração: 5.264,19 40h/semanal
Requisitos: Ensino Superior Completo em Arquivologia. 
A inscrição tem taxa de R$82,20 e deverá ser efetuada da 10 horas de 22 de Abril de 2019 às 23h59min de 27 de Maio de 2019 (horário oficial de Brasília), exclusivamente pela internet, no site www.vunesp.com.br. As provas objetivas têm data prevista para sua realização em 07 de JULHO de 2019.

Atribuições do Cargo:

a) planejamento, organização e direção de serviços de Arquivo;
b) planejamento, orientação e acompanhamento do processo documental e informativo;
c) planejamento, orientação e direção das atividades de identificação das espécies documentais e participação no planejamento de novos documentos e controle de multicópias;
d) planejamento, organização e direção de serviços ou centro de documentação e informação constituídos de acervos arquivísticos e mistos;
e) planejamento, organização e direção de serviços de microfilmagem aplicada aos arquivos;
f) orientação do planejamento da automação aplicada aos arquivos;
g) orientação quanto à classificação, arranjo e descrição de documentos;
h) orientação da avaliação e seleção de documentos, para fins de preservação;
i) promoção de medidas necessárias à conservação de documentos;
j) elaboração de pareceres e trabalhos de complexidade sobre assuntos arquivísticos;
k) assessoramento aos trabalhos de pesquisa científica ou técnico-administrativa;
l) desenvolvimento de estudos sobre documentos culturalmente importantes.
m) desenvolver demais atividades correlatas.
 
EDITAL: https://documento.vunesp.com.br/documento/stream/OTUzNTE5

10 abril 2019

10 Vagas Temporárias na UEPB para Bibliotecários

O Processo Seletivo Simplificado com dez vagas temporárias para bibliotecários da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), começou a receber inscrições de candidatos a partir de hoje, 10 de abril.  Os Requisitos básicos consistem em possuir curso superior em Biblioteconomia e registro no CRB. A remuneração é de R$ 3.396,43 para um regime de trabalho de 40 horas semanais. 

A Comissão Permanente de Concursos (CPCON) é responsável pelo Processo Seletivo que ocorrerá em duas fases. A primeira constará de prova escrita objetiva de caráter eliminatório e classificatório, nas áreas de Português, Raciocínio Lógico e Conhecimentos Específicos, a ser realizada no dia 5 de maio. A segunda fase constará de Prova de Títulos de caráter classificatório, os quais deverão ser encaminhados pelos candidatos convocados através de fotocópias autenticadas à CPCON, presencialmente ou por Sedex, entre os dias 15 e 17 de maio.  Dentre as 10 vagas disponíveis, 02 (duas) são para Pessoas Com Deficiência (PCD) As vagas estão dividida em 3 campus da UEPB, como mostra o quadro abaixo:



05 abril 2019

Concurso FAB

Concurso da Força Aérea Brasileira (FAB)Biblioteconomia (BIB) - 04 Vagas. Arquivologia (AQV) - 07 vagas. A remuneração será de R$ 6.993,00 mais adicionais de especialização.

O concurso de oficiais temporários da Força Aérea Brasileira, ofertará 04 vagas para Bibliotecários e 07 vagas para arquivistas. As oportunidades estão distribuídas pelos Serviços de Recrutamento e Preparo de Pessoal da Aeronáutica (SEREP-RJ ), conforme quadro abaixo:

Requisitos para Bibliotecários: Diploma devidamente registrado de conclusão de curso superior de Bacharelado em Biblioteconomia, em nível de graduação, fornecido por instituição de ensino credenciada pelo MEC; e registro no Conselho Regional de Biblioteconomia.

Requisitos para Arquivistas: Diploma, devidamente registrado, de conclusão de curso superior de Bacharelado em Arquivologia, em nível de graduação, fornecido por instituição de ensino credenciada pelo MEC; e registro na Delegacia Regional do Trabalho do Ministério do Trabalho (Art. 4º do Decreto nº 82.590, de 6 de novembro de 1978, que “Regulamenta a Lei nº 6.546, de 4 de julho de 1978, que dispõe sobre a regulamentação das profissões de Arquivista e de técnico de Arquivo”).

Etapas de Avaliação:

a) Inscrição Eletrônica;
b) Entrega de Documentos;
c) Avaliação Curricular;
d) Concentração Inicial;
e) Inspeção de Saúde Inicial (INSPSAU) e Avaliação Psicológica (AP);
f) Teste de Avaliação do Condicionamento Físico (TACF);
g) Concentração Final; e
h) Habilitação à Incorporação. 

Fonte: https://www.diariooficialdf.com.br/wp-content/uploads/2019/04/edital-fab-tecnico-nivel-superior.pdf

Receba Conteúdo Atualizado